sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Uma maravilha!


No outro dia, na praia, uma menina com os seus dois ou três anos, muito extasiada, diz à mãe:



Mãe, a praia é uma maravilha!! A água, a areia... É maravilhoso!



Enquanto dizia isto, chapinhava na água e enrolava-se na areia... Tínhamos ali um pequeno Álvaro de Campos da época balnear. Ela queria sentir a praia de todas as maneiras. 


Isto fez-me pensar nas coisas mais básicas e maravilhosas que a vida nos oferece.


Desde que desempenho um trabalho que exige o uso de farda, que respeito muito mais a minha roupa. Aquela que se molda ao meu corpo e à minha personalidade. Nada é mais maravilhoso do que vestir a nossa pele. As calças de ganga são as peças de que sinto mais saudades. As calças que visto no trabalho são horripilantes... Nem são cinza, nem são azuis... Não prescindem do uso de um cinto vermelho... E, o pior, são boca de sino... O meu coração some-se quando estas palavras ecoam: boca de sino. O meu corpo magro raramente as consegue manter na cintura e as curvas ficam diluídas. Enfim, aquelas calças têm vida própria... A braguilha abre-se, a boca de sino bamboleia e eu sento-me, sempre que posso, para esconder a sumidade que os meus membros inferiores ostentam. 




Fonte da imagem de base: https://thebestpictureproject.files.wordpress.com/2012/09/findingnemo3.jpg



Como a pequena indisciplinada das sensações referiu, a água também é uma maravilha. Principalmente, depois de um dia transpirado. Não há nada como um bom banho. Um banho que tire o lixo e o peso das responsabilidades. Se há coisa de que gosto é deitar o cabelo, ainda húmido, na minha almofada. De manhã, o cheiro do champô permanece na fronha. 




Fonte da imagem de base: http://www.bbtorino.net/wp-content/uploads/2016/09/materasso-cuscini.jpg


Adormecer sem esforço, sem fingimentos e sem inventar histórias ou fazer um sumário do dia que passou. Adormecer em frente a um ecrã oferece aquela luta inicial de ''ai não quero perder esta cena épica da série mas fechar os olhos sabe tão bem''. Todavia, a série perde a rixa e nós vamos caindo, lentamente, num sono profundo. O ecrã funciona como um relógio de bolso de um hipnotizador. Eu, ingenuamente, ainda penso ''bem, vou fechar os olhos só para descansar porque continuo a acompanhar o discurso e o raciocínio das personagens através da audição''. Sem efeito. Quando quero voltar à tensão dramática da série, já são 06:00h... Já passaram algumas horas e o computador já suspendeu. Provavelmente isto não é muito saudável mas, quando estou mais ansiosa, esta pseudo-hipnose maravilhosa ajuda-me. 



Fonte: http://1.fotos.web.sapo.io/i/G2208aa80/19067522_9mjtB.jpeg


E para vocês? O que é uma maravilha?



🏖👖🚿🛌





Escrito por Susana Ferreira. 

2 comentários:

  1. O banho é maravilhoso :) e ter a casa limpa! Dá-me sempre uma sensação de leveza.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade! A casa limpinha também é uma maravilha! =)

      Eliminar